Oficinas de Cartografia Histórica 2008

HISTÓRIA DA CULTURA I / OFICINAS DE CARTOGRAFIA HISTÓRICA

Universidade de São Paulo / Departamento de Historia / II-2008

Profa. Responsável: Iris Kantor

Monitoria: Iuri Björkström (TT3-FAPESP), Flora Lahuerta (MS-Geo), David Ramirez (MS-Geo), Julia Kovensky, Newton Rocha (IC), Fabíola Bergamin (TT1-FAPESP)

07.08: Apresentação do curso: conteúdos, dinâmicas e formas de avaliação. Apresentação da equipe.

14.08: A cartografia histórica como objeto de estudo: abordagens historiográficas
> Harley, J. B.  La nueva naturaleza de los mapas, trad. Cidade do México, Fondo de Cultura, 2005. pp.59-78 e 113-140;
>Barber, Peter (org.) El Gran libro de los Mapas, Barcelona, Paidos, 2007.
– A cosmografia de Martin Waldseemüller

20.08: Orientação: cartobibliografia e seleção dos mapas

28.08: História da Gravura.  Workshop no Instituto de Estudos Brasileiros, professora convidada:  Dra. Maira Laudanna (IEB-USP)
> Eisenstein, Elizabeth. “La Invención de la Imprenta y la difusión del conocimiento científico”, Javier Ordoñes y Alberto Helena (ed.) , Madrid, CSIC, 1990. pp.1-42;
> Curto, Diogo Ramada. “Gravura e conhecimento do mundo em finais do século XV, Cultura Escrita, Lisboa, ICS, 2007, 23-56.

04.09: Os mapas como artefatos culturais
> Meneses, Ulpiano T. Bezerra de. Rumo a uma “História Visual”, in José de Souza Martins (e outros), O imaginário e o poético nas ciências sociais, Edusc, 2005. pp.33-56
> Martinelli, Marcello. A cartografia temática da Geografia, texto inédito, 2004-5;
> Woodward, David. “Techniques of map engraving, printing and coloring in the european Renaissance “, in  J. Harley. Cartography in European Renaissance, The University Chicago Press, 2007. pp.591-610
– Linguagens cartográficas: coordenadas, escalas  e projeções

18.09: Orientação: navegação em  revistas,  sites, blogs e portais especializados

25.09: Editores, casas editoriais e comércio de mapas
> Guedes, Max Justo. “A cartografia portuguesa, João Teixeira e a Descripção de todo o maritimo da Terra de S. Cruz”, Fundação Estudar, 2003;
> Pedley,Mary. O comércio de mapas na França e na Grã Bretanha durante o século XVIII”, Varia História, n.37, UFMG, 2007;
> Krogt, Peter van der. The Atlas Maior of Joan Blaeu, in Atlas Maior (1665), Barnes & Noble/Tachen, NY, 2006.
– A obra de Max Justo Guedes: apresentação de DVD

02.10: A cartografia na perspectiva da história das ciências
> Latour, Bruno. “Redes que a razão desconhece: laboratórios, bibliotecas, coleções”, C. Jacob. O poder das Bibliotecas, Editora da UFRJ, 2000, pp. 21-44;
>Albuquerque, Luis. As navegações e suas projeções na ciência e na cultura, Llisboa, Gradiva, 1987, pp.9-36;
>Bueno, Beatriz. Decifrando Mapas, Anais do Museu Paulista, vol. 10/11, USP, 2004.
– Instrumentos e práticas de mensuração no mar e na terra
– Reprodução digital (Denis Machado Rossi – técnico IEB)

09.10: Bibliotecas digitais e banco de dados (Rogério Toshiaki Kondo: Centro de Informática de São Carlos da USP)

16.10: Globos e mapas celestes: polêmicas astronômicas professor convidado:  Dr. Thomas Haddad (USP)
> Cortesão, Jaime: “O problema das longitudes e o meridiano de Tordesillhas”, O Tratado de Madrid, 1. ed. 1953); “um mito geopolítico: a ilha brasil’, Tentativas mitológicas, SP, 1979
> Carvalho, Rómulo. A astronomia em Portugal  no século XVIII, Lisboa, 1985. pp.9-35;> Sobel, Dava. Longitude, trad. Jaime Araújo, Lisboa, 1996. pp.79-87.
– A questão das longitudes e as linhas imaginárias

23.10: Narrativas de viagens e documentaçãod não-cartográfica nos mapas impressos
> Teixeira, Dante Martins Teixeira.  “A ‘America’ de Jodocus Hondius (1563-1612): um estudo das fontes iconográficas, Revista do Instituto de Estudos Brasileiros,  n.46, 2008;
> Horch, Rosemarie Erika. Quais as fontes para os mapas da Novae Insulae de Sebastian Münster, VI Reunião Internacional da História da Náutica e Hidrografia (Actas), Lisboa, 1989.
– Análise das alegorias e cartuchos nos mapas impressos

30.10: Representações cartográficas e  processos de tradução cultural
> Cosgrove, Denis. “Observando la natureleza: el paisaje y el sentido europeo de la vista”, Buenos Aires, Boletin de AGE, n. 34, 2002, 63-89; Russo, Alessandra. Caminando sobre la tierra, de nuevo desconocida, toda cambiada”…, Revista Terra Brasilis, Rio de Janeiro. 2007, pp.97-120.
– A construção do “vocabulário controlado”  e dos meta dados. (Maria Imaculada da Conceição – Bibliotecária da
FFLC – aula na Biblioteca).

06.11: Cartografia e pensamento geográfico
> Santos, Milton. Antologia de textos preparada pela professora Dra. Vanderli Custódio (IEB-GEO).ddd
> Moraes, Antonio Carlos Robert. Moraes, Delimitações políticas de espaços marítimos, in Wagner Costa Ribeiro, A Governança das Águas, SP, Anablume, 2008 (prelo);  Santos, Douglas. A reinvenção do espaço, Unesp, 2002.
– Aspectos morfográficos e o conceitos geográficos

13.11: Impérios e nações: ideologias cartográficas
> Kagan, Richard. “Arcana Imperii: mapas, ciencia y poder en la corte de Felipe IV “, El Atlas del rey planeta, Madrid, NEREA,
> Black, Jeremy. Mapas e história: construindo imagens do passado, trad. Cleide Rapucci, SP, Edusc, 2005. pp.97-142. > Garcia, João Carlos. As Américas: cartografias da Independência séculos XVIII-XIX, Porto, 1999. pp. 9- 36.

20.11: Cartografia histórica e seus usos contemporâneos: urbanismo, arqueologia de quilombos, história ambiental e estradas reais.
– Linguagens cartográficas: Sistema Geográfico de Informação (GIS)

27.11: Cartografia e cartógrafos na literatura de ficção: Swift, Voltaire,Verne, Conrad, Carpentier e Borges.

04.12: Ensaio de cartobibliografia e ficha de catalogação

2 comentários »

  1. […] histórica II-2008 Material da apresentação feita o 9 de outubro de 2008 na disciplina História da Cultura I – Oficinas de Cartografia Histórica, […]

  2. Magali GomesNogueira said

    Estou realizando uma pesquisa sobre a participação judaica na representação cartográfica do mundo entre as chamadas Escola deToledo e Escola de Sagres. Tenho tido dificuldades para encontrar material sobre esta participação,principalmente relacionado a produção do suporte desta cartografia😮 papel que é minha área específica. Gostaria de trocar informaçõescom vcs. sobre o assunto.

RSS feed for comments on this post · TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: